Parque da cidade: o estilo único de viver Brasília, passa por aqui.

8 minutos para ler

Foto: Agência Brasília

Um dos maiores parques urbanos do mundo é mais do que um belo espaço arborizado e estratégico para o equilíbrio e organização urbana do Plano Piloto, é considerado por muitos brasilienses um estilo de vida. Poder estar próximo a ele diariamente é um convite à qualidade de vida e ao bem-estar. Conheça mais sobre a história do Parque da cidade, sua relevância para os moradores de Brasília e o valor que ele agrega aos que têm o privilegio de morar e viver próximo a ele.

A História

No início da década de 70, Brasília estava passando por grande expansão urbana e habitacional. A cidade crescia cada vez mais e precisava de equipamentos públicos à altura daquele novo momento. Foi então que o governador Elmo Serejo Farias decidiu criar um parque entre a Asa Sul e ao que viria a ser o Setor Sudoeste, para oferecer lazer e entretenimento à população, servindo também, por ser um local bastante arborizado, para amenizar os impactos da seca e do calor do Cerrado.

Nascia, então, o Parque da Cidade, inaugurado no dia 11 de outubro de 1978 com o nome de Rogério Pithon Farias, homenagem ao filho do governador que havia morrido em um acidente de carro há pouco tempo. O projeto urbanístico foi feito por Lucio Costa, com prédios dos arquitetos Oscar Niemeyer e Glauco Campelo, azulejos de Athos Bulcão e paisagismo de Burle Marx.

A abertura do parque foi um grande evento na cidade, atraindo milhares de pessoas para a Praça das Fontes – onde aconteceram espetáculos musicais – e para a Piscina com Ondas, a primeira do gênero na América Latina e que contava com um equipamento para simular ondas com cerca de 1 metro de altura. Um grande sucesso que atraía multidões todos os fins de semana.

Ao longo dos anos, o parque se estabeleceu como o principal ponto de encontro de brasilenses de todas as idades, contando com quadras poliesportivas, lagos artificiais, pistas de corrida, pedalinhos, centro hípico, kartódromo, bicicletas para alugar e várias outras comodidades. Seus 420 hectares de área verde – considerado o maior parque urbano da América do Sul – já era parte definitiva do cotidiano candango.

Também é importante lembrar que o local incorporou dois outros parques que já existiam por ali antes de 1978: o Parque Ana Lídia, onde fica o famoso Foguetinho, e o Nicolândia, o primeiro parque de diversões de Brasília.

Foto: Arquivo Público

Nos anos 80, o Parque da Cidade ficou nacionalmente famoso com a música “Eduardo e Mônica”, da banda Legião Urbana, pois fora o lugar escolhido como ponto de encontro do casal na história. Há no parque, inclusive, um monumento em homenagem à canção, com sua partitura gravada em uma escultura de ferro.

Já na década de 90, o Parque da Cidade foi um dos responsáveis por valorizar ainda mais o nascente Setor Sudoeste, já que as novas habitações ficariam muito próximas. Em 1997 houve a mudança de nome: de Rogério Pithon Farias para Sarah Kubitschek. Ano que marcou, também, o fim da Piscina com Ondas.

Foto: Agência Brasília

Recentemente, o parque passou por reformas para ampliar a acessibilidade, aumentar o número de pistas e ciclovias e recuperar as quadras de esportes. E já foi anunciada pelo GDF a volta da Piscina com Ondas, totalmente reformulada e com novas atrações.

O Parque da Cidade é um sucesso há quase 45 anos e uma prova de que a memória afetiva do morador de Brasília consegue conviver em harmonia com as necessidades e mudanças dos tempos modernos.

Morar próximo Parque da Cidade: sinônimo de qualidade de vida e valorização imobiliária.

O Parque da Cidade faz parte do estilo de vida brasiliense. A lista de opções de lazer é extensa e variada: Quadras poliesportivas, aparelhos de ginástica, pistas de corrida e de bicicleta, pistas de skate e de patinação, parquinhos e playgrounds para as crianças, parque de diversões, quiosques e restaurantes com opções variadas de gastronomia, kartódromo, centro hípico, lago, espaços para piquenique com churrasqueiras, pavilhão de exposições e isso sem falar dos eventos promovidos por instituições e grupos de natureza pública ou privada, sempre em benefício da comunidade.

Foto: Agência Brasília

O Parque é um marco na cidade de Brasília e faz parte, oficialmente, da Asa Sul, mas está localizado entre a Asa Sul e o Setor Sudoeste. É possível acessá-lo pela Via W5 Sul, Eixo Monumental e pela EPIG, estrada que conecta o Setor Sudoeste ao Eixo Monumental e nasce a partir da EPTG, que conecta os bairros de Taguatinga, Águas Claras e Guará ao Plano Piloto.

Os bairros Asa Sul e Sudoeste, adjacentes ao Parque da Cidade, são regiões nobres e muito disputadas por quem busca viver e morar em Brasília. Com localização privilegiada, mobilidade, lazer, segurança e uma infraestrutura consolidada, os imóveis localizados nessas regiões, possuem um dos metros quadrados mais valorizados do Distrito Federal.

Nova Quadra 500 do Sudoeste: Mais exclusividade para viver no melhor lugar do Sudoeste.

A SQSW 500 é a mais nova e última área residencial do Setor Sudoeste. Uma concepção urbanística alinhada com os conceitos do tombamento de Brasília, com especial atenção à “escala bucólica” idealizada por Lúcio Costa. Cercada de verde e, ainda assim, moderna e harmoniosamente desenhada para conectar a rotina dinâmica de uma grande cidade com o estilo de vida mais tranquilo.

Este é o cenário escolhido pela Emplavi para marcar, mais uma vez, a sua história no mercado imobiliário de Brasília, com o lançamento de três novos empreendimentos de alto padrãono bairro, na nova Quadra 500, agregando ainda mais valor e exclusividade a um dos mais nobres endereços da capital.

Conheça as preciosidades Emplavi na nova Quadra 500 do Sudoeste:

Residencial Topázio

Residencial Topázio, 3 Suítes na SQSW 500 

Exclusividade, sofisticação e inovação passam a compor um novo estilo em morar, para você e sua família, com muito charme, conforto e aconchego, em composição com o que há de mais belo, moderno e funcional.  Este é o Residencial Topázio, com design arrojado e concepção única, que combina arquitetura contemporânea com interiores sofisticados. O residencial 3 Suítes conta comespaços grandiosos e ambientes cuidadosamente lapidados com acabamentos de primeiríssima linha, detalhes clássicos, estilo moderno, muito requinte e elegância.

Espaço Gourmet do Residencial Topázio 

O Residencial Topázio será na SQSW 500, Bloco R do Sudoeste com apartamentos de 139,38m² a 156,70m² com até 3 vagas na garagem e coberturas privativas de 275,44m² a 311,02m² e 4 vagas na garagem.

Residencial Safira 

Residencial Safira, 4 Suítes na SQSW 500 

Inspirado na beleza inigualável e de intenso brilho de uma das gemas mais cobiçadas da natureza, tanto por suas propriedades minerais, raridade, durabilidade e nobreza, quanto pelo magnetismo que exerce sobre os amantes das joias, nasce o Residencial Safira, o mais novo empreendimento com a assinatura da segurança, solidez e qualidade construtiva Emplavi, com 4 Suítes.  Com localização privilegiada e vista livre e permanente para o horizonte de Brasília, o Residencial Safira harmoniza uma arquitetura imponente de linhas arrojadas e design contemporâneo, convergindo modernidade e requinte, com inovações tecnológicas de última geração e um projeto diferenciado e de alto padrão, que reflete a evolução contínua dos empreendimentos Emplavi e traduz um estilo de vida único, dinâmico e de muita personalidade em cada detalhe. O Residencial Safira é um lugar meticulosamente concebido para encantar, inspirar e promover uma experiência valiosa e incalculávelde exclusividade.

Lounge da Piscina do Residencial Safira 

O Residencial Safira será na SQSW 500, Bloco Q do Sudoeste com apartamentos de 175,34m² a 197,60m² com 4 Vagas na garagem e coberturas privativas de 346,56 a 393,26m² com 4 vagas na garagem.

Residencial Turmalina

Residencial Turmalina, 4 Suítes na SQSW 500

Tendo como referência a preciosidade de uma das pedras mais complexas e raras da natureza, de brilho marcante, esplendoroso, refletido na sua riqueza de cores e tons, a Emplavi apresenta o Residencial Turmalina, um empreendimento com a assinatura do alto padrão Emplavi de tipologia 4 Suítes, na melhor localização do Sudoeste.  OResidencial Turmalina é a tradução mais fiel da evolução do conceito de morar e viver em Brasília, convergindo a solidez, a segurança marcante e a qualidade construtiva Emplavi, com a arte em lapidar as melhores ideias e conceitos, transformando-os em projetos diferenciados, espaços inteligentes, luxuosos e repletos de sofisticação e requinte, concebidos para superar expectativas e oferecer a você e à sua família uma nova experiência de viver com conforto, segurança e exclusividade.

Sugestão de Decoração Sala com Gourmet e Vista panorâmica do Residencial Turmalina

O Residencial Turmalina será na SQSW 500, Bloco P do Sudoeste com apartamentos de 238,70m² a 261,58m² com 4 vagas na garagem e coberturas privativas de 472,66m² a 517,88m² e 5 vagas na garagem.

Ponto de Vendas Emplavi Sudoeste SQSW 500, Setor Sudoeste

Atendimento: Segunda à Domingo, de 8:00 às 18:00

Agendamento: (61) 4040-4526 / WhatsApp: (61) 3345-9400  

Posts relacionados

Deixe um comentário